Praticando Um Pouco Mais! 7° Série / 5ª Etapa / História

10 Questions | Total Attempts: 306

SettingsSettingsSettings
Please wait...
Praticando Um Pouco Mais! 7 Srie / 5 Etapa / Histria


Questions and Answers
  • 1. 
    (UFSM/Adaptada) A charge abaixo trata de aspectos históricos importantes:Utilizando seus conhecimentos sobre o processo de colonização das Américas, é possível afirmar que:
    • A. 

      A civilização vivida pelos europeus demonstrava uma grande disputa entre as nações.

    • B. 

      A civilização europeia propunha negociações que envolviam guerras entre os cristãos e os ateus.

    • C. 

      Os habitantes da América aguardavam os colonizadores para resolverem seus problemas.

    • D. 

      Os habitantes da América percebiam a civilização europeia como um exemplo de vida.

  • 2. 
    (Fuvest/Adaptada) "Podemos dar conta boa e certa que em quarenta anos, pela tirania e ações diabólicas dos espanhóis, morreram injustamente mais de doze milhões de pessoas..." (Bartolomé de Las Casas, 1474 - 1566) "A espada, a cruz e a fome iam dizimando a família selvagem." (Pablo Neruda, 1904 - 1973) As duas frases lidas colocam como causa da dizimação das populações indígenas a ação violenta dos espanhóis durante a Conquista da América. Pesquisas históricas recentes apontam outra causa, além das já indicadas, que foi:
    • A. 

      A incapacidade das populações indígenas em se adaptarem aos padrões culturais dos colonizadores.

    • B. 

      A passividade completa das populações indígenas, por causa das suas crenças religiosas.

    • C. 

      A ausência de técnicas agrícolas por parte das populações indígenas, diante de novos problemas ambientais.

    • D. 

      A série de doenças trazidas pelos espanhóis, como varíola, tifo e gripe, para as quais as populações indígenas não possuíam anticorpos.

  • 3. 
    (Fuvest/Adaptada) Sobre o trabalho compulsório na América Espanhola, durante o período colonial, é possível afirmar que:
    • A. 

      Baseou-se pela predominância da escravização negra, como aconteceu no Brasil.

    • B. 

      Caracterizou-se pela escravização continuada dos indígenas, como nas culturas incas e astecas.

    • C. 

      Apoiou-se em formas diversas de exploração do trabalho indígena e, em algumas regiões, na escravidão negra.

    • D. 

      Manteve um sistema organizado e dirigido pelos próprios caciques indígenas.

  • 4. 
    (UNIRIO/Adaptada) A colonização europeia na América assumiu aspectos distintos, em função das práticas colonizadoras das metrópoles europeias. Considerando essa diversidade, podemos afirmar que:
    • A. 

      A catequese e a evangelização dos nativos motivaram a colonização inglesa.

    • B. 

      A pequena e média propriedade agrícola caracterizaram a ocupação espanhola.

    • C. 

      A mão-de-obra indígena contribuiu para a organização da produção colonial espanhola.

    • D. 

      A base econômica das 13 colônias da América do Norte residia na exploração de metais preciosos.

  • 5. 
    (FGV/Adaptada) “A colonização da América do Norte foi empreendida por companhias inglesas, organizadas por comerciantes e banqueiros e autorizadas pela Coroa. As principais empresas eram a Companhia de Londres, que tinha o monopólio das regiões localizadas mais ao norte, e a Companhia de Plymonth, que recebeu o monopólio dos territórios do sul.” A conquista colonial inglesa resultou no estabelecimento de três áreas com características diversas na América do Norte. Com relação às chamadas "Colônias do Sul" é CORRETO afirmar que:
    • A. 

      Baseava-se numa economia escravista voltada principalmente para o mercado externo de produtos, como o tabaco e o algodão.

    • B. 

      Baseava-se numa forma de servidão temporária que submetia os colonos pobres a um conjunto de obrigações em relação aos grandes proprietários de terras.

    • C. 

      Baseava-se, sobretudo, na economia familiar e desenvolveu uma ampla rede de relações comerciais com as colônias do Norte e com o Caribe.

    • D. 

      Caracterizou-se pelo emprego de mão-de-obra assalariada e pela presença da grande propriedade agrícola monocultora.

  • 6. 
    O mapa abaixo mostra as Treze Colônias Inglesas. Cada uma possuía características próprias e de um modo geral podiam ser reunidas em três grupos bem definidos: - Colônias do Norte: New Hampshire, Massachusetts, Rhode Island e Connecticut.- Colônias do Centro: New York, New Jersey, Pensilvânia e Delaware- Colônias do Sul: Virgínia, Carolina do Norte, Carolina do Sul, Geórgia e Maryland. São características das Colônias do Norte, EXCETO:
    • A. 

      Economia independente da Metrópole;

    • B. 

      Predomínio da utilização de mão-de-obra escrava;

    • C. 

      Pequena propriedade familiar;

    • D. 

      Classe dirigente formada por grandes comerciantes.

  • 7. 
    (UEPR/Adaptada) Leia o texto: "Nassau chegou em 1637 e partiu em 1644, deixando a marca do administrador. Seu período é o mais brilhante de presença estrangeira. Nassau renovou a administração (...) Foi relativamente tolerante com os católicos, permitindo-lhes o livre exercício do culto, como também com os judeus (depois dele não houve a mesma tolerância, nem com os católicos, nem com os judeus — fato estranhável, pois a Companhia das Índias contava muito com eles, como acionistas ou em postos eminentes). Pensou no povo, dand]o-lhe diversões, melhorando as condições do porto e do núcleo urbano (...), fazendo museus de arte, parques botânicos e zoológicos, observatórios astronômicos." (Francisco lglésias) Esse texto se refere:
    • A. 

      à chegada e à instalação dos puritanos ingleses na Nova Inglaterra, em busca de liberdade religiosa.

    • B. 

      à invasão holandesa no Brasil, no período de União Ibérica e à fundação da Nova Holanda no Nordeste açucareiro.

    • C. 

      às invasões francesas no litoral fluminense e à instalação de uma sociedade no Rio de Janeiro.

    • D. 

      Ao domínio português nas Antilhas e à criação de uma sociedade moderna, influenciada pelo Renascimento.

  • 8. 
    Observe a charge a seguir:“- Vão plantar batatas!- Não! Vamos plantar açúcar nas Antilhas!- ... E vocês vão se arrepender de nos terem expulsado!” Por que o personagem do navio afirma: “- E vocês vão se arrepender de nos terem expulsado!”?
    • A. 

      Porque os holandeses passaram a fazer concorrência com o açúcar brasileiro o que fez com que essa economia entrasse em crise.

    • B. 

      Porque os holandeses se revoltaram e invadiram o litoral brasileiro, dominando o local.

    • C. 

      Porque os colonizadores portugueses não puderam mais plantar batatas, pois era uma cultura holandesa.

    • D. 

      Porque os colonizadores foram impedidos de plantar e vender cana-de-açúcar no nordeste, pois os holandeses só comercializavam batatas.

  • 9. 
    (FGV) "Depois de permanecermos ali pelo espaço de dois meses, durante os quais procedemos ao exame de todas as ilhas e sítios da terra firme, batizou-se toda a região circunvizinha, que fora por nós descoberta, de França Antártica. (...) Em seguida, o senhor de Villegagnon, para se garantir contra possíveis ataques de selvagens, que se ofendiam com extrema facilidade e também contra os portugueses, se estes alguma vez quisessem aparecer por ali, fortificou o lugar da melhor maneira que pôde." (André Thevet, As singularidades da França Antártica, 1556.)As tentativas francesas de estabelecimento definitivo no Brasil ocorreram entre a segunda metade do século XVI e a primeira metade do século XVII. As regiões que estiveram sob ocupação francesa foram:
    • A. 

      Rio de Janeiro (França Antártica) e Pernambuco (França Equinocial).

    • B. 

      Bahia (França Equinocial) e Rio de Janeiro (França Antártica).

    • C. 

      Maranhão (França Equinocial) e Rio de Janeiro (França Antártica).

    • D. 

      Espírito Santo (França Equinocial) e Rio de Janeiro (França Antártica).

  • 10. 
    "Os espanhóis, com seus cavalos, suas espadas e lanças começaram a praticar crueldades estranhas; entravam nas vilas, burgos e aldeias, não poupando nem as crianças e os homens velhos, nem as mulheres grávidas (...) e as faziam em pedaços como se estivessem golpeando cordeiros fechados em seu redil.” (LAS CASAS, Bartolomeu de. O Paraíso destruído. A sangrenta história da conquista da América Espanhola. Porto Alegre, L8cPM, 1984. p.32.) Cortés chegou ao México com pouco mais de quinhentos soldados e Pizzaro entrou no Peru com cerca de 180 homens. Como tão poucos espanhóis conseguiram derrotar milhares de astecas e incas? Existem várias razões para a vitória dos espanhóis. Dentre essas razões podemos considerar, EXCETO:
    • A. 

      A superioridade bélica caracterizada pela utilização de armas de fogo.

    • B. 

      As doenças trazidas pelos espanhóis, tais como sarampo, gripe.

    • C. 

      O modo de agir e pensar dos espanhóis não eram compreendidos pelos nativos.

    • D. 

      Os nativos conheciam muito mais os costumes dos espanhóis do que estes dos nativos.

Back to Top Back to top