Seguro De Pessoas - CAPítulo 3

12 Questions | Total Attempts: 35

SettingsSettingsSettings
Please wait...
Seguro De Pessoas - CAPtulo 3

.


Questions and Answers
  • 1. 
    Marque a alternativa correta 1. Sobre a cobertura por sobrevivência, podemos afirmar que:
    • A. 

      (a) Para o início de comercialização dos Planos com cobertura por sobrevivência, as seguradoras não precisam de prévia autorização da SUSEP.

    • B. 

      (b) Os prêmios pagos para cobertura por sobrevivência dos planos de Seguros de Pessoas não são dedutíveis para fins de tributação

    • C. 

      (c) O IOF incidente sobre os prêmios pagos para a cobertura por sobrevivência dos planos de Seguros de Pessoas é de 7%.

    • D. 

      (d) O VGBL funciona exatamente da mesma forma que o PRGP.

    • E. 

      (e) O público-alvo do VGBL e dos planos de Previdência Complementar é o mesmo.

  • 2. 
    2. Sobre a cobertura por sobrevivência e suas características, podemos afirmar que:
    • A. 

      (a) Não pode ser oferecida em conjunto com outras coberturas de risco.

    • B. 

      (b) Pode ser estruturada no regime financeiro de capitalização ou no regime financeiro de repartição de capitais de cobertura.

    • C. 

      (c) Somente podem ser comercializadas de forma individual.

    • D. 

      (d) O evento gerador do pagamento do capital segurado será sempre a sobrevivência do segurado ao período de diferimento contratualmente previsto.

    • E. 

      (e) Somente pode ser estruturada na modalidade de contribuição variável.

  • 3. 
    3. Podemos afirmar que a alternativa correta é:
    • A. 

      (a) Quando a cobertura por sobrevivência for estruturada na modalidade de benefício definido, o capital segurado, pagável de uma única vez ou sob a forma de renda, será calculado somente ao final do período de diferimento.

    • B. 

      (b) No caso de contratação coletiva, a adesão à apólice, pelos proponentes, será precedida do preenchimento da respectiva proposta de contratação.

    • C. 

      (c) No caso de contratação sob a forma coletiva, o vínculo entre o grupo e o estipulante deve ser estabelecido nas condições gerais do plano

    • D. 

      (d) Em função da cobertura por sobrevivência, os planos deverão ser apenas dos seguintes tipos: VGBL, VAGP e VRGP.

    • E. 

      (e) É facultado às seguradoras estabelecerem critérios objetivos no regulamento do plano, limitando o valor máximo de aportes extraordinários.

  • 4. 
    4. Sobre os planos dotais, podemos afirmar que:
    • A. 

      (a) O Dotal Puro é um plano sem reversão de resultados financeiros e sempre estruturado na modalidade de benefício definido.

    • B. 

      (b) O Dotal Misto é um plano com reversão de resultados financeiros e sempre estruturado na modalidade de benefício definido.

    • C. 

      (c) O Dotal Misto com Performance é um plano sem reversão de resultados financeiros e sempre estruturado na modalidade de benefício definido.

    • D. 

      (d) O Dotal Misto e o Dotal Puro garantem duas coberturas: sobrevivência e morte.

    • E. 

      (e) Dos planos dotais, o único que oferece reversão de resultados financeiros durante o período de diferimento é o Dotal Misto.

  • 5. 
    5. Podemos afirmar que a alternativa correta é:
    • A. 

      (a) Para uma determinada taxa de juros, quanto menor a expectativa de vida, maior o montante necessário que se deve acumular para pagar o mesmo valor de benefício.

    • B. 

      (b) Para uma determinada tábua de mortalidade, quanto maior a taxa de juros, menor o montante necessário que se deve acumular para pagar o mesmo valor de benefício.

    • C. 

      (c) O percentual máximo de carregamento do VGBL é de 30%.

    • D. 

      (d) O percentual máximo de carregamento do VAGP é de 10%.

    • E. 

      (e) O percentual máximo de carregamento do VRSA é de 30%.

  • 6. 
    6. Podemos afirmar que a alternativa correta é: 
    • A. 

      (a) O plano Dotal Puro e o plano Dotal Misto admitem carregamento superior a 30%.

    • B. 

      (b) O período de carência para o primeiro pedido de resgate deve estar compreendido entre 60 dias e 6 meses.

    • C. 

      (c) Uma vez solicitado o primeiro resgate, outro resgate somente pode ser solicitado após o cumprimento de intervalo não superior a 30 dias.

    • D. 

      (d) O carregamento pode ser cobrado no pagamento dos prêmios e/ou no resgate e na portabilidade de recursos.

    • E. 

      (e) Nos planos estruturados na modalidade de contribuição variável, é vedado o resgate parcial.

  • 7. 
    7. Sobre as características da portabilidade, podemos afirmar que: 
    • A. 

      (a) Não é permitida a portabilidade parcial de planos do tipo VGBL.

    • B. 

      (b) Na portabilidade parcial, os recursos passam pela conta corrente bancária do segurado.

    • C. 

      (c) Para o VGBL, o período de carência para pedido da primeira portabilidade é igual a 60 dias.

    • D. 

      (d) A seguradora receptora dos recursos portados pode cobrar carregamento sobre os recursos portados.

    • E. 

      (e) É permitida a portabilidade entre segurados, desde que sejam da mesma família.

  • 8. 
    8. Sobre as características dos planos com cobertura por sobrevivência, podemos afirmar que:
    • A. 

      (a) O VGBL é um plano cujo carregamento máximo admitido é de 30%.

    • B. 

      (b) O VRSA é um plano sempre estruturado na modalidade de benefício definido.

    • C. 

      (c) O VRGP não pode ser estruturado na modalidade de benefício definido.

    • D. 

      (d) O VAGP somente pode ser estruturado na modalidade de contribuição variável.

    • E. 

      (e) O VGBL somente pode ser estruturado na modalidade de contribuição variável e no regime financeiro de capitalização.

  • 9. 
    Marque a alternativa correta 9. Uma característica do VGBL durante a fase de acumulação dos recursos é: 
    • A. 

      (a) Ter percentual de carregamento igual a 30%.

    • B. 

      (b) Garantir juros de 6% ao ano.

    • C. 

      (c) Ter a provisão matemática de benefícios a conceder atualizada pelo IGPM.

    • D. 

      (d) Não permitir portabilidade dos recursos acumulados.

    • E. 

      (e) Ser estruturado na modalidade de contribuição variável.

  • 10. 
    10. O dotal misto é um produto que é sempre estruturado no(a):
    • A. 

      (a) Modalidade de contribuição variável.

    • B. 

      (b) Modalidade de benefício definido.

    • C. 

      (c) Regime financeiro de repartição simples.

    • D. 

      (d) Regime financeiro de repartição de capitais de cobertura.

    • E. 

      (e) Modalidade de benefício definido com reversão de resultados financeiros.

  • 11. 
    11. O dotal puro é um produto que é sempre estruturado no(a):
    • A. 

      (a) Modalidade de contribuição variável.

    • B. 

      (b) Modalidade de benefício definido.

    • C. 

      (c) Regime financeiro de repartição simples.

    • D. 

      (d) Regime financeiro de repartição de capitais de cobertura.

    • E. 

      (e) Modalidade de benefício definido com reversão de resultados financeiros.

  • 12. 
    12. O percentual máximo de carregamento a ser cobrado de um segurado que tenha contratado um VRGP estruturado na modalidade de contribuição variável é de:
    • A. 

      (a) 3%

    • B. 

      (b) 5%

    • C. 

      (c) 10%

    • D. 

      (d) 30%

    • E. 

      (e) 49%

Back to Top Back to top